O homem que mudou o Porto

Standard

«O marcante percurso de Paulo Lobo conta já com vinte cinco anos de carreira e é com certeza também à sua assinatura que se deve a velocidade do bom crescimento de muitos dos espaços de lazer do Porto. A ele se devem muitos dos interiores extraordinários de restaurantes como o Buhle – aclamado pela revista Wallpapper – o Shis ou o Cafeína. Ainda o Porto Palácio Hotel, o recente bar Twin’s na Baixa, o Faz Gostos ou o recém inaugurado Solar do Vinho do Porto em Lisboa.

Muita coisa inspira as criações de Paulo Lobo, “música, moda, craft e handmade, mas sobretudo a cidade”.»

O homem que mudou o Porto
Revista GQ de Julho 2011
Por Sancha Trindade

O artigo completo pode ser lido aqui

One thought on “O homem que mudou o Porto

  1. um dos melhores projectos do PL foi o Café na Praça. Na altura, o Porto não estava minimamente preparado para aquele ambiente cosmopolita. Talvez já não se lembrem…

Deixar uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Alterar )

Connecting to %s